Chatbots otimizam tempo das empresas na hora da contratação

Você já deve ter ouvido falar dos chatbots. A inteligência artificial que no início do ano 2000 começou a ser implantada pelas empresas como sistema de resposta ao cliente ou usuário, como no MSN ou SmarterChild.

Nos tempos atuais, esse sistema não mantém as mesmas características. Não é mais aquele sistema de resposta repetitiva, calculada e monótona. Os chatbots estão mais sofisticados e têm o potencial de reduzir a carga de trabalho de tarefa repetitiva dos contratantes das empresas.

Segundo o site Entrepreneur, em média 60% dos candidatos desistem do processo de inscrição padrão, por causa da sua complexidade e duração. Esses questionários padrão são aqueles com perguntas longas e de múltipla escolha que demoram 40 minutos para serem respondidos.

Mesmo que o candidato consiga preencher o formulário on-line, 75% dos candidatos não receberão a resposta da empresa, além de uma carta de confirmação agradecendo seu tempo. Afinal de contas, avaliar todo esse material também leva tempo.

Com a chegada dos chatbots, funcionários podem reduzir ainda mais a carga de trabalho de uma empresa. A ideia, segundo o artigo do Entrepreneur é proporcionar um aplicativo com menos tempo de resposta, que vá trazer benefícios ao contratante e à empresa.

O “robô” terá perguntas importantes pré definidas como por exemplo, se o candidato é legal para trabalhar no país. O processo avança a partir daí, proporcionando uma experiência direta e amigável para os candidatos e para a empresa.