Tarifas dos aeroportos de Confins e Galeão recebem reajustes

Tarifas dos aeroportos de Confins e Galeão recebem reajustes

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) anunciou nesta segunda-feira (13) o reajuste dos tetos das tarifas aeroportuárias dos contratos de concessão dos aeroportos internacionais Antônio Carlos Jobim (Galeão), no Rio de Janeiro (RJ), e Tancredo Neves (Confins), em Minas Gerais. Segundo a Anac, a portaria já está em vigor, mas os novos valores passarão a ser cobrados em 30 dias.

No aeroporto do Galeão, a tarifa nos embarques domésticos, que atualmente custa R$ 30,35, será aumentada para R$ 31,85. Em voos internacionais, irá de R$ 111,21 para R$ 122,20. Em Confins, a taxa nacional irá de R$ 30,15 para R$ 31,69 e a internacional de R$ 110,87 para R$ 121,92.

As decolagens para fora do País em ambos os terminais incluem o adicional do FNAC, que custa US$ 18 (atualmente, cerca de R$ 65,80). De acordo com o órgão, os aumentos foram feitos com base na variação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).